A Repórter Brasil está sob censura judicial desde o dia 9 de outubro de 2015. Saiba mais.

Polícia libera nove pessoas vítimas de trabalho semi-escravo

A Polícia Rodoviária Federal prendeu em Paranaíba Luiz Alves Brasileiro Filho, 29, motorista de uma D-20 que transportava nove passageiros em situação de semi-escravidão. Sete deles estavam no compartimento de carga da caminhonete em condições precárias. Três desses passageiros eram menores. As nove pessoas eram da cidade de Patos (PB), vinham para trabalhar como vendedores ambulantes de calçados e só receberiam se realizassem a venda da mercadoria. Os passageiros disseram à polícia que dormiam na carroceria da caminhonete, sobre as mercadorias e ainda não haviam recebido nenhuma quantia em dinheiro desde que saíram de suas casas. Os três adolescentes foram encaminhados ao Conselho Tutelar da Criança e do Adolescente e os adultos encaminhados ao 1º Distrito Policial, para a polícia apurar a exploração de trabalho escravo

A Polícia Rodoviária Federal prendeu em Paranaíba Luiz Alves Brasileiro Filho, 29, motorista de uma D-20 que transportava nove passageiros em situação de semi-escravidão. Sete deles estavam no compartimento de carga da caminhonete em condições precárias. Três desses passageiros eram menores.

As nove pessoas eram da cidade de Patos (PB), vinham para trabalhar como vendedores ambulantes de calçados e só receberiam se realizassem a venda da mercadoria. Os passageiros disseram à polícia que dormiam na carroceria da caminhonete, sobre as mercadorias e ainda não haviam recebido nenhuma quantia em dinheiro desde que saíram de suas casas.

Os três adolescentes foram encaminhados ao Conselho Tutelar da Criança e do Adolescente e os adultos encaminhados ao 1º Distrito Policial, para a polícia apurar a exploração de trabalho escravo


Apoie a Repórter Brasil

saiba como

Enviar Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *